Circulação
Avaré, Arandu,
Águas de Santa Bárbara,
Cerqueira César,
Iaras, Itaí, Manduri,
Paranapanema,
Piraju e Óleo
Logo-Jornal a Comarca

28

Assinatura-Jornal a Comarca

Informações Sobre assinatura

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Telefone para contato (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

Digite o código para enviar sua mensagem.Obrigado
captcha

Logo-Jornal a Comarca

Hoje é terça-feira , 19 de junho de 2018 - Avaré - SP

relogio

COMÉRCIO

Em Avaré, número de empresas fechadas é maior que o de novos negócios

Da Redação

Em uma simples passagem no centro de Avaré é possível perceber o número de comércios com as portas fechadas e ainda pior, lojas recém-abertas não sobreviveram à crise financeira e também desativaram o estabelecimento.

De acordo com a Secretaria de Comunicação, no período de 2 de janeiro a 24 de maio, do ano corrente, 398 negócios foram abertos na cidade. No mesmo período, 204 empreendimentos deram baixa no Setor Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS).

FECHAMENTO – A reportagem da Comarca contatou um empreendedor do segmento de mecânica em Avaré, que fechou as portas do comércio, devido ao alto valor cobrado pelo aluguel e ausência de planejamento financeiro. “Ficamos por volta de apenas um ano em funcionamento. Alguns motivos influenciaram nessa decisão, como por exemplo, ideias e comportamentos dos sócios, custo elevado do aluguel e gastos necessários para funcionamento” – relatou o avareense Takeioshi Uno.

Ainda segundo Takeioshi, um erro interno na empresa também ocasionou na necessidade de contratar novos funcionários, elevando gastos iniciais do negócio. “Infelizmente, a cultura brasileira não nos auxilia com uma educação financeira básica, o que na maioria das vezes pode influenciar na abertura de uma empresa, pois são necessários muitos dados de pré-abertura para que a empresa prospere e infelizmente esse foi outro motivo que influenciou no fechamento da empresa” – finalizou.

Takeioshi, que agora estuda Administração de Empresas, se vê melhor preparado para abrir um novo negócio, mas em outro ramo.

NOVOS NEGÓCIOS – A empresária Halline Enck abriu uma loja de confecção há quase um mês em Avaré e destacou que um dos pontos avaliados para a abertura do negócio foi os comparativos com o valor do aluguel e público alvo. “Escolhi um ponto mais longe do centro, devido ao custo da locação, mas também com a vantagem de não ter tarifa da Zona Azul (Estacionamento Rotativo) ”.  A empreendedora também relatou que o fato de já comercializar a um longo período roupas na casa, tem grande clientela, o que ocasiona em maior segurança no quesito vendas para a loja.

OUTRO LADO – A reportagem questionou a Prefeitura referente aos valores cobrados pelos aluguéis na região Central de Avaré e se o custo pode influenciar no fechamento e pela procura de pontos em outros bairros. Referente ao assunto, a Secretaria da Comunicação destaca que “os valores são de livre negociação entre particulares sem qualquer monitoramento por parte da Prefeitura”. (colaborou Evelin Nunes)

 

 

28 maio 18
Voltar
Edições
Cadernão
Publicidade
Jornal A Comarca
Quer Falar com o Jornal A Comarca?

Endereço: Avenida Gilberto Filgueiras, 1402 - Avaré - SP
Cep: 18706-240

e-mail:
redacao@jornalacomarca.com.br
j.acomarca@terra.com.br
comercial@jornalacomarca.com.br

Telefones do Jornal A Comarca (14) 3733-2023 / 3733-2633

Desenvolvido por: Junqui Net